Palavracom's Blog


Empreendedorismo: Estudantes catarinenses viverão um dia de sombra
outubro 9, 2012, 6:03 pm
Filed under: empreendedorismo, Terceiro setor | Tags: ,

Programa promovido pela Junior Achievement levará 180 jovens para acompanhar a jornada de empresários

Nesta quarta-feira (10), 180 empresários de seis cidades catarinenses terão uma ‘sombra extra’ durante toda sua jornada de trabalho. Estudantes do ensino médio de Florianópolis, São José, Blumenau, Lages, Gaspar e Joaçaba participarão do programa Empresário-Sombra Por um Dia, promovido pela Junior Achievement, e irão acompanhar individualmente um executivo, desde o café da manhã, às 9h, passando pelas leituras de e-mails e jornais, reuniões, até o termino das atividades da empresa, às 18h.

A iniciativa oferece aos estudantes uma visão real do mundo empreendedor e mostra de que maneira conhecimentos adquiridos na escola e nos programas da Junior Achievement podem ser aplicados em suas futuras carreiras. Já os empresários, acompanhados de suas sombras, fortalecerão o envolvimento de seus negócios no processo educacional, além de promover a responsabilidade social. Dos 180 jovens que participarão do programa, 100 são da Grande Florianópolis, 25 de Lages, 50 de Blumenau e Gaspar e cinco de Joaçaba.

Anúncios


Senai promove cursos profissionalizantes em Palhoça a partir desta segunda-feira (09)
julho 5, 2012, 7:41 pm
Filed under: Terceiro setor | Tags: ,

Aulas começam na segunda-feira, com apoio da Cidade Pedra Branca

Na próxima segunda-feira, 9 de julho, começam a aulas do primeiro curso profissionalizante do Senai destinado aos moradores do bairro Frei Damião, em Palhoça. Com apoio da Cidade Pedra Branca – e com perspectivas de colocação ao final do curso – 30 alunos estarão iniciando as 180 horas do curso de Pedreiro de Alvenaria Estrutural, gratuito e destinado a jovens com renda familiar de até três salários mínimos, dentro do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), do governo federal.

O curso de Pedreiro de Alvenaria Estrutural é o único por enquanto a ter o início das aulas confirmado, mas já há turmas fechadas para outros quatro cursos: Mecânico de Manutenção de Refrigeração e Climatização Doméstica, Pedreiro, Costureira e Panificador Confeiteiro. O início não deve demorar. “Se houver interesse, poderemos ainda oferecer outros cursos dentro do Pronatec, como Soldador, Mecânico de Motocicleta e Eletricista de Automóveis”, informa Sandra Costa, do Senai.

No caso do primeiro curso, as aulas serão ministradas na unidade móvel do Senai, que ficará estacionada ao lado do posto policial do bairro Eldorado. Nos outros casos, serão utilizados ambientes de escolas e centros comunitários dos bairros Brejaru, Frei Damião e Caminho Novo. “A Cidade Pedra Branca tem a preocupação de se envolver com a educação nos bairros de seu entorno e encampou o projeto dos cursos. Além disso, pretende aproveitar a mão de obra futura, buscando colocação aos melhores alunos”, explica Vânio Pacheco de Abreu, gerente de infraestrutura do empreendimento.

 



Junior Achievement: 15 anos de bons resultados e aprovação pela sociedade catarinense
maio 15, 2012, 3:18 pm
Filed under: Terceiro setor, Voluntariado | Tags: ,

 Santa Catarina é um estado com alto grau de empreendedorismo e foi receptiva às iniciativas da Junior Achievement, que está completando 15 anos de atuação. “Nosso balanço é extremamente positivo e promissor, pois além de números muito favoráveis, mostra o quanto estamos consolidados na comunidade empresarial e nas escolas e instituições de ensino”, avalia Evandro Badin, diretor executivo da Junior.

Ao longo dos últimos 15 anos as ações envolveram 210 escolas de 47 municípios catarinenses, desenvolvidas por 6.400 voluntários e beneficiando 208 mil crianças e adolescentes. “Entretanto, estes números não exibem um elevado grau de satisfação dos envolvidos e o respeito e admiração que conquistamos neste período”, observa Badin. “A Junior Achievement é um dos principais laboratórios de desenvolvimento de empreendedores no mundo”, confirma Pedro Sirotsky, empresário de comunicação que foi o primeiro presidente do Conselho Consultivo.

Badin lembra que uma das missões mais difíceis à frente da Junior Achievement é conquistar o envolvimento das empresas e escolas e a participação e o comprometimento dos voluntários. “Os voluntários agem com convicção e quando concluem suas tarefas sentem-se gratificados”, explica. “Ser voluntário significa crescimento profissional e satisfação pessoal”, diz Giovani Alves, ex-voluntário da Intelbras, empresa de eletrônica e que compõe o conselho da Junior desde sua fundação.

A adesão do Senai – Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – foi estratégica para a Junior, que conseguiu multiplicar o número de jovens beneficiados e entre um público cuja formação exige a inclusão do empreendedorismo no currículo. “Os programas da Junior Achievement contribuem para a mudança da imagem tradicional de ensino pautada, até então, na transmissão de conteúdos, despertando o empreendedorismo, e as habilidades que potencializam o desenvolvimento pessoal”, considera Sergio Arruda, dirigente do Senai/SC e atual presidente do Conselho Diretor da JA.

Evandro Badin lembra que ainda há um longo caminho a percorrer e que a aceitação da Junior entre instituições como Senai, Senac, Sebrae e demais entidades empresariais facilitam a expansão. “O associativismo é muito forte em Santa Catarina e ele nos empresta grande credibilidade cada vez que temos uma adesão nesta área. E em 2011 avançamos também nas parcerias com as secretarias municipais de educação, o que é igualmente promissor”, avalia o diretor executivo.

Ivo Hering, presidente de uma das maiores e mais tradicionais empresas têxteis do Brasil, reforça esta a posição: “A verdadeira transformação social ocorre quando existem políticas públicas, engajamento da iniciativa privada, participação e apoio da sociedade”.

A solenidade comemorativa será no dia 16 de maio, às 20h, no Majestic Palace, em Florianópolis.



CDL de Florianópolis recebe homenagem pela parceria no projeto OAB Cidadã
agosto 24, 2011, 9:31 pm
Filed under: Terceiro setor, Voluntariado | Tags: ,

Entidade apoia ações sociais da OAB/SC para reduzir a exclusão social

Pedro Paulo de Abreu, primeiro à direita, recebe o prêmio pela CDL de Florianópolis

Profissionais liberais, associações comunitárias, empresas e entidades da capital foram homenageadas nesta quarta-feira (24) pela OAB/SC durante a solenidade de comemoração dos 10 anos da criação do projeto OAB Cidadã. Entre as instituições condecoradas está a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Florianópolis, pela parceria em inúmeras ações sociais promovidas pela Comissão da Ordem. A entidade lojista apoia iniciativas como o projeto Esporte e Saúde Mont Serrat, direcionado a jovens de 10 a 15 anos. Uma vez por semana, 30 meninos da comunidade participam da escolinha de futsal no ginásio do Instituto Federal de Santa Catarina.

Para Pedro Paulo de Abreu, presidente da entidade, o ato da OAB/SC de homenagear a todos os parceiros é uma forma de gratidão pelos trabalhos prestados aos cidadãos florianopolitanos. “Esse reconhecimento é muito importante porque valoriza o apoio da entidade e reforça a necessidade de continuarmos agindo em conjunto para ajudar as pessoas mais carentes e diminuir a exclusão social”, destaca.



Feira mostra produção de miniempresas catarinenses
julho 4, 2011, 3:40 pm
Filed under: empreendedorismo, Inovação, Responsabilidade Social, Terceiro setor

Iniciativa da Junior Achievement/SC incentiva o empreendedorismo entre alunos do estado

 

 

         Estudantes de 14 escolas da Grande Florianópolis apresentaram ao público o resultado do trabalho desenvolvido pelo programa Junior Achievement na Feira de Miniempresas 2011 – Negócios que edificam o futuro, realizada no último sábado no Beiramar Shopping. Foram comercializados no evento os produtos de 16 miniempresas, nessa iniciativa de incentivo ao empreendedorismo entre jovens catarinenses.

         Uma das marcas da feira foi a criatividade e ousadia dos estudantes, que criaram produtos diferenciados e inovadores. Esse é o caso, por exemplo, da Tsurugami, miniempresa formada por estudantes da Escola Jovem de São José. Eles desenvolveram e produziram móbiles feitos com a milenar técnica oriental origami para ser utilizado em decoração. Já os alunos do Colégio da Polícia Militar, de Florianópolis, também desenvolveram um móbile, só que além de enfeite é também um porta-retratos. “A peça pode ser pendurada em vidros, espelhos e portas de guarda-roupas, entre outros locais, e pode receber até três fotos”, ressaltou Iasmyn Rodrigues, uma das participantes da miniempresa Mobilitar.

As escolas participantes da Feira de Miniempresas 2011 foram Aderbal Ramos da Silva, Bom Jesus, Catarinense, Dinâmica, Dom Jaime Câmara, Escola Jovem, Geração Beiramar, IFSC São José e Florianópolis, Imaculada Conceição, Instituto Estadual de Educação, Nossa Sra. Fátima, Policial Militar, Santa Catarina e Senac. “Fiquei bastante impressionando com a qualidade e a criatividade dos estudantes. É possível fazer aflorar o empreendedorismo nesses jovens, desde que sejam incentivados”, ressaltou Octávio Lebarbenchon Neto, presidente do Conselho Deliberativos da Junior Achievement em Santa Catarina.   

Estudantes mostram produção de miniempresas da Grande Florianópolis



ADVB/SC premia iniciativas sociais do varejo catarinense
junho 22, 2011, 6:02 pm
Filed under: Comércio, Sustentabilidade, Terceiro setor | Tags: , ,

Cases da rede Berlanda e da Federação das CDLs vencem prêmio Empresa Cidadã

Dois projetos socioambientais do varejo de Santa Catarina foram premiados, nesta quarta-feira (22), com o Troféu Empresa Cidadã, da ADVB/SC. Um deles é a campanha Recicla CDL, da Federação das CDLs de Santa Catarina (FCDL SC), que disseminou as práticas do varejo sustentável e em 18 meses já coletou cerca de 150 toneladas de material eletrônico e de informática. Outro é a fábrica de estofados Catarina, idealizada e mantida pela rede Berlanda na Penitenciária Regional de Curitibanos (planalto serrano), e que conta com a força do trabalho de 80 presidiários.

Produzidos pela PalavraCom, os cases mostram a preocupação do varejo catarinense em buscar a inovação e as boas práticas ambientais, sociais e educativas. O Recicla CDL, por exemplo, nasceu com o apoio técnico e institucional da Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (Fatma) e seus bons resultados levaram o projeto às escolas catarinenses, garantindo às novas gerações a oportunidade de conhecer e praticar ações sustentáveis. “Nossa principal aposta não está nos resultados materiais, ou seja, nas toneladas de produtos coletados. Nosso ganho está na formação de uma mentalidade sustentável”, resume Sergio Medeiros, presidente da Federação das CDLs, entidade que agrega 173 entidades lojistas e mais de 30 mil associados.

Reinserção social – A fábrica de estofados Catarina é a primeira unidade fabril instalada dentro de uma penitenciária do estado. Após um investimento de R$ 700 mil, a ideia do empresário Nilso Berlanda virou realidade em julho do ano passado e deu emprego a 80 presidiários, 64 dos quais dos regimes semifechado e fechado. Eles recebem R$ 200 por mês pelo trabalho, além da redução do tempo em que ficarão encarcerados, e produzem mensalmente 600 sofás, poltronas e pufes. “A utilização da mão de obra dos detentos deu um novo – e prático – significado à expressão ‘ressocialização de presidiários’. É uma política na qual todas as partes envolvidas saem ganhando. Os presos elevam sua autoestima, aprendem um ofício e multiplicam suas chances de conseguir emprego quando deixarem a cadeia”, explica Berlanda, que emprega em sua rede de lojas cerca de 1,5 mil funcionários em 143 unidades.

Confira os demais vencedores do troféu Empresa Cidadã no site da ADVB/SC: www.advbsc.com.br



Instituto Ekko Brasil e UFSC testam embarcação movida a energia solar
junho 20, 2011, 3:38 pm
Filed under: Inovação, Meio Ambiente, Náutica, Sustentabilidade, Terceiro setor

Desenvolvido pelo LabSolar, veículo será utilizado na pesquisa e conservação ambiental

          O Instituto Ekko Brasil e o Laboratório de Energia Solar (LabSolar), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), testam nesta terça-feira (21) um barco do tipo catamarã totalmente movido a energia solar, desenvolvido em Florianópolis e que usa uma energia limpa e renovável para a sua movimentação. A embarcação ecologicamente correta será utilizada pelo Ekko Brasil na Lagoa do Peri, em ações do Projeto Lontra, tanto para a realização de pesquisas como em iniciativas de educação ambiental. O teste será realizado na Lagoa da Conceição, no final da Avenida das Rendeiras.

         A tecnologia empregada para a construção da embarcação segue os princípios da sustentabilidade, utilizando uma fonte energética renovável, aliada à facilidade de locomoção. O LabSolar já desenvolveu outros barcos com as mesmas características, só que utilizados para competições esportivas. Caso seja comprovada a eficiência deste projeto, ele servirá de protótipo para outras embarcações a serem utilizadas em áreas de preservação que necessitam de veículos não poluentes, como na bacia amazônica.

“Será uma ferramenta importante para a continuidade do trabalho do Projeto Lontra, além de contribuir para a sustentabilidade da Lagoa do Peri, um dos principais patrimônios naturais da Ilha de Santa Catarina”, avalia Oldemar Carvalho Junior, coordenador de pesquisas do Instituto Ekko Brasil, hoje considerado referência nacional no estudo e na preservação deste animal, ameaçado de extinção. O Projeto é desenvolvido há 25 anos e realiza um importante trabalho de pesquisa e estudo dos hábitos do animal, contribuindo para a sua conservação.