Palavracom's Blog


Confirmados primeiros negócios que abrirão no Passeio Pedra Branca
abril 12, 2013, 7:10 pm
Filed under: Arquitetura, Meio Ambiente, Mobilidade

Lojas, restaurantes, farmácia e academia estão entre os serviços do espaço que ficará pronto em setembro

CAMERA_04

Um espaço privilegiado para lazer, trabalho, diversão e compras começa a virar realidade no novo centro do “bairro-cidade” Pedra Branca. Com previsão para começar a funcionar a partir de setembro, o Passeio Pedra Branca abrigará dezenas de empreendimentos que prometem facilitar a vida dos moradores e futuros moradores do bairro. Entre os negócios já confirmados estão a terceira loja do Hippo Supermercados, uma unidade do Subway, uma farmácia do Sesi, uma loja da Gelateria do Max e um Complexo de Estética, com academia e salão de beleza.

Entre os empresários que investirão no local estão os sócios Allan Meneghin Soares, Fernando Arruda e Marcelo Ataíde Pereira. Eles se preparam para abrir seu primeiro negócio juntos dentro da Pedra Branca. Unindo a experiência do empreendedorismo ao ramo de atividade física, o trio está prestes a realizar o sonho de abrir sua própria academia. “A Pedra Branca nos deu a oportunidade de realizar um projeto diferenciado e com um novo conceito de academia na região”, explica Allan.

A ideia dos empresários é que os clientes sintam a academia como uma continuação de suas casas, com atividades que atendam toda a família. “Estamos muito empolgados em realizar um grande trabalho e fazer com que a academia seja um sucesso, reconhecida como modelo de lazer, saúde, alegria e muita atividade física e bem estar”, evidencia Fernando. A academia terá em torno de 900 m² e irá oferecer musculação, ginástica, lutas e treinamento funcional.

Além disso, a unidade fará parte de um complexo de saúde, beleza e estética, composto também por um salão de beleza, sonho das empresárias Gilmara Steinbach e Alessandra Rosini Palma, que também se tornará realidade. O projeto será realizado em total parceria: Gilmara é casada com Fernando, e Alessandra é namorada de Allan. Com 150 m² de área, o salão irá oferecer serviços de cabeleireiro masculino e feminino, manicure e pedicure, massagem, depilação e espaço especial para o dia da noiva.

Ambiente sustentável, comida saudável

Uma loja de produtos naturais anexa a um café orgânico: esse é o projeto que o casal Cristina e Leandro Ramos construirá no Passeio Pedra Branca. No Ateliê Natural, nome do futuro negócio, os clientes encontrarão produtos orgânicos como geleias, biscoitos, doces e grãos, de diversas regiões do Brasil. Quem passar pela loja poderá ainda apreciar um café de cultivo orgânico, acompanhado por doces e salgados diferenciados com ingredientes orgânicos e opções sem glúten e sem açúcar.

De acordo com Cristina, uma pesquisa de mercado mostrou que a Pedra Branca, devido à sua bandeira da sustentabilidade, seria o lugar ideal para a instalação da loja. “Escolhemos a Pedra Branca primeiro pelo fato de acreditarmos em seu projeto voltado para sustentabilidade, e depois por acreditarmos que essa área está em constante evolução e crescimento”, afirma.

A mesma percepção levou a empresária Fernanda Bald Niebuhr e seu sócio Felipe de Menezes Niebuhr a decidirem por abrir uma franquia da rede Subway no Passeio Pedra Branca. “A alegria dos jovens estudantes da UNISUL e dos belos passeios projetados na Pedra Branca encaixam perfeitamente com o espírito da Subway, que não poderia ficar de fora deste projeto”, destaca Fernanda. Todas as novidades estão previstas para inaugurarem no dia 21 de setembro, prazo previsto para conclusão das obras do novo centro do bairro.

Rua diferenciada será compartilhada

Além da variedade de serviços, um dos diferenciais será a primeira “rua compartilhada” do Brasil, um conceito que privilegia quem está a pé e de bicicleta, mas não deixa de ser trafegável aos automóveis. A inovação conta com consultoria do escritório dinamarquês Gehl Architects, administrado pelo renomado urbanista Jan Gehl. “Além de prezar pelo conforto dos pedestres e ciclistas, o novo centro do bairro será elegante e exclusivo, de modo a criar um novo estilo de vida entre os moradores”, afirma Nara Schutz, coordenadora do Passeio Pedra Branca.



SETUF divulga calendário para recadastramento do Cartão Estudante e venda de crédito eletrônico
dezembro 17, 2012, 7:58 pm
Filed under: Mobilidade | Tags:

Atualização dos dados pode ser feita pela internet ou no SETUF, a partir do dia 10 de dezembro

 Os usuários do transporte coletivo que detém o Cartão Estudante (sistema municipal) têm até o dia 22 de dezembro para fazer a compra de créditos nas bilheterias dos terminais – as vendas para o ano que vem serão retomadas a partir do dia 28 de janeiro. As exceções – ou seja, os estudantes que tiverem aulas antes do dia 28.01, tanto para o sistema  municipal quanto o intermunicipal – podem ser tratadas pessoalmente no Setuf.

O recadastramento para 2013(municipal/intermunicipal) pode ser realizado de duas maneiras:

1) Pela internet (www.setuf.com.br), basta imprimir a confirmação de recadastro, e entregar  no Setuf, junto com o atestado de matrícula 2013 original para fazer a primeira compra. O serviço tem o custo de R$ 2,70;

2) Entregar  no Setuf o atestado de matrícula 2013 original e xerox para fazer a primeira compra. O serviço tem o custo de R$ 2,70;

OBS: Para o sistema Municipal o recadastramento poderá ser feito também nos Terminais de Integração (TICAN, TISAN, TILAG, TITRI e TIRIO).



Entidades avaliam resultado das urnas em Florianópolis

Sinduscon, CDL, AsBEA, Acatmar e Sindicato de Hotéis, que participaram do debate eleitoral, traçam expectativas sobre o prefeito eleito

Um dia após Cesar Souza Júnior (PSD) ser eleito prefeito da Capital, entidades representativas começam a traçar expectativas em relação à futura administração municipal em Florianópolis. Ricardo Fonseca, presidente da AsBEA SC (Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura de SC), espera que as promessas de campanha sejam efetivamente cumpridas. “São muitos os desafios: crescimento imobiliário e preservação ambiental”, antecipou Fonseca, apostando numa gestão moderna e focada melhoria na qualidade de vida da população. Entre as promessas de campanha, a AsBEA vai cobrar do eleito a reformulação do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (Ipuf). “Ele deve transformar-se num órgão verdadeiramente planejador, que dê as respostas que a cidade precisa e o mundo moderno exige”, defendeu o dirigente.

Sobre a relação da cidade com o mar, o presidente da Associação Catarinense de Marinas (Acatmar), Leandro “Mané” Ferrari, sugere  “a criação e legalização das marinas, o fomento dos esportes náuticos, entre outras atividades, trazem, literalmente, um mar de oportunidades, que, bem administradas, podem transformar nossa realidade”. O fato de o prefeito eleito ter sido Secretário de Turismo é um fator positivo, na avaliação de Tarcísio Schmitt, que preside o Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (SHRBS) da Capital: “espero que o turismo ganhe maior abertura, tanto para obter mais recursos, quanto para colocar Florianópolis na vitrine do Brasil e do mundo. Espero também que o novo prefeito eleja um Secretário Municipal com experiência, tenha autonomia e liderança para decidir sobre as inovações e melhorias para o setor”.

Para o presidente do Sindicato da Construção Civil da Grande Florianópolis (Sinduscon), Helio Bairros, o momento é de serenidade, devendo os eleitos focar no desenvolvimento, geração e empregos e renda na Capital. “Neste momento em que a receita dos municípios está em xeque, os administradores tem que tomar medidas que potencializem o desenvolvimento sustentável e ajudem na geração de oportunidades para todos”, observa Bairros.

A vitória de Cesar Souza Junior foi bem recebida no comércio varejista da Capital. Embora a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Florianópolis não tenha apostado em nenhuma das candidaturas, o presidente da entidade, Pedro Paulo Abreu mostra-se otimista e confiante nas promessas. “Principalmente em relação ao comércio, porque quando se fala em saúde, em segurança, em planejamento urbano, também se fala em comércio. Não vou dizer que a entidade vai ‘sugerir’, porque não foi a entidade que propôs, mas vai ‘exigir’ que ele cumpra o prometido”, observou Pedro Paulo. Ele acredita que o prefeito eleito conseguirá apoio na Câmara de Vereadores ao demonstrar, na prática, de que é um bom gestor.  “O prefeito é o novo e boa parte da Câmara também é nova. Facilita por ser tudo novo, sem os vícios antigos”, aposta.



“Vida diária é o que torna as cidades atraentes”, afirma Helle Soholt
setembro 24, 2012, 6:04 pm
Filed under: Mobilidade, Sustentabilidade, Urbanismo | Tags: , , ,

Em palestra na Pedra Branca, urbanista dinamarquesa ensina que o planejamento urbano deve pensar primeiro nas pessoas

Helle Soholt, da equipe do urbanista Jan Gehl, mostrou vários exemplos pelo mundo de revitalização e reordenamento urbano.

Quem acompanhou no último sábado (22), no showroom da Cidade Sustentável Pedra Branca, a palestra da renomada urbanista dinamarquesa Helle Soholt pode conferir experiências mundiais que mudaram a realidade de grandes centros urbanos. Soholt apresentou vários exemplos de projetos realizados pelo escritório de Jan Gehl, um dos mais respeitados consultores em planejamento urbano do mundo e falou sobre a necessidade de priorizar as pessoas, principalmente crianças, pedestres e ciclistas, ao pensar nos espaços públicos.

“Precisamos colocar as pessoas no centro do nosso planejamento. É preciso criar locais fantásticos para todos, pois temos necessidade de estarmos ao ar livre. A vida diária é o que torna as cidades atraentes”, destacou. Se os administradores não mudarem a forma de pensar, vários países do mundo sofrerão sérias consequências sociais e econômicas, inclusive o Brasil, alerta. Como referência de lugares que sofreram modificações e hoje estão melhores para as cidades, Soholt citou Copenhague (Dinamarca), Melbourne (Austrália) e a ‘capital do mundo’ Nova York. “Melboune era totalmente vazia no centro da cidade, inútil, só tinham negócios. Era chamada cidade rosquinha, todo mundo vivia no entorno, ninguém vivia no centro, mas eles mudaram a política nos últimos 30 anos”, enfatizou.

Ao ouvir os conselhos da experiente consultora, Valério Gomes, diretor do empreendimento Pedra Branca, destacou que muitas das ideias apresentadas norteiam o planejamento do bairro-cidade, que já é referência em urbanismo sustentável. “Temos uma preocupação de criar ambientes convidativos no novo centro de bairro que estamos construindo. Nosso desafio é entregar um local que seja referência para o país e o mundo”, observou.



Setuf incentiva população de Florianópolis a deixar o carro na garagem neste sábado
setembro 19, 2012, 8:15 pm
Filed under: Mobilidade | Tags:

Sindicato e Secretaria de Transportes distribuirão, a partir de quinta, 15 mil flyers que estimulam público a participar do dia mundial sem carro

Com a cidade cada vez cheia de carros e dominada pela cultura que privilegia o transporte individual ao coletivo, não é só tempo no trânsito que se perde: é também qualidade de vida. Neste sábado (22) será comemorado mais um dia mundial sem carro, e para antecipar a data, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros da Grande Florianópolis (Setuf) vai iniciar uma ação já na quinta-feira (20). Serão distribuídos pela entidade e pela Secretaria Municipal de Transportes, Mobilidade e Terminais em diversos pontos da cidade 15 mil flyers com informações que estimulam as pessoas a deixarem seus carros na garagem ao menos por um dia.

Florianópolis tem hoje a segunda maior concentração de carros por habitante, de acordo com pesquisa do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e IBGE.  E a tendência é aumentar, pois só em agosto a indústria automobilística registrou o recorde de mais de 400 mil carros vendidos no país. Nessa perspectiva, trocar o carro pelo transporte coletivo ou pela bicicleta pode ser um bom começo. “Quanto mais gente optar pelo transporte coletivo, mais espaço sobra nas ruas para os ônibus circularem, mais rápido eles chegam ao destino e mais barata pode ficar a tarifa”, defende Waldir Gomes, presidente do Setuf.



Angela Albino defende marcos legais e segurança jurídica em encontro no Sinduscon
setembro 5, 2012, 7:57 pm
Filed under: Comércio, Mobilidade, Uncategorized | Tags: , ,

Candidata do PCdoB propõe redução de burocracia e fiscalização eficiente para dar segurança jurídica à construção civil

Candidata do PCdoB foi a primeira a falar aos empresários da construção civil. No dia 13, o convidado é Cesar Souza Junior e, dia 20, Gean Loureiro.

Ter um município com legislação ara e fiscalização eficiente foi o compromisso da candidata à prefeitura Angela Albino (PCdoB) com empresários da construção civil, em debate nesta quarta (05) na sede do Sindicato da Indústria da Construção (Sinduscon), em Florianópolis. “É preciso recuperar a responsabilidade do gestor público, não transferir os problemas para outros setores, como o transporte e a construção. E ter base em marcos legais, não os amigos ou inimigos do rei”, argumentou a candidata.

Vários presentes manifestaram preocupações quanto aos investimentos em saneamento e infraestrutura, a formação da equipe de governo e a visão da candidata e da coligação sobre a verticalização da cidade.

O presidente do Sinduscon Helio Bairros disse que o setor quer ser parceiro na próxima gestão, mas propõe um diálogo mais amplo com relação ao Plano Diretor, que está em debate, pois “o que está em discussão é um absurdo, propõe até zonas de exclusão, como se a cidade estivesse em guerra. Não é possível achar que, ao parar um setor, os problemas da cidade serão resolvidos”. Na próxima quinta (13), o convidado da entidade é o candidato Cesar Souza Junior (PSD) e, na quinta (20), Gean Loureiro, sempre às 8h30.



“Governo Dário fez muito, mas não fez tudo”, diz Gean Loureiro em sabatina a arquitetos
agosto 31, 2012, 8:57 pm
Filed under: Arquitetura, Mobilidade, Urbanismo | Tags: , ,

Candidato do PMDB foi segundo convidado do Ciclo de Debates promovido pela AsBEA/SC

Gean Loureiro recebe do presidente da AsBEA/SC, Ricardo Fonseca, pauta de sugestões e reivindicações de arquitetos e urbanistas. / Divulgação AsBEA/SC

Melhorias na área da saúde, educação, mobilidade urbana e turismo foram o compromisso assumido pelo candidato do PMDB à Prefeitura de Florianópolis, Gean Loureiro, no debate realizado pela Associação dos Escritórios de Arquitetura e Urbanismo Regional Santa Catarina (AsBEA/SC) nesta quinta-feira (30), no Castelmar Hotel. Ele foi o segundo a participar do encontro – a primeira a conversar com os associados da entidade foi a deputada Angela Albino (PCdoB), no dia 23 de agosto.

Casado com a arquiteta Cintia de Queiroz, Loureiro parecia estar à vontade no bate-papo com os colegas de profissão da mulher e aproveitou os quarenta minutos iniciais para discorrer sobre ações da atual gestão do prefeito Dário Berger e falar sobre seus compromissos caso eleito. Embora candidato da situação, ele reconheceu: “o governo do Dário fez muito, mas não fez tudo, é obvio que há muito por fazer e é, por isso, que sou candidato”, destacou. Durante a apresentação de suas propostas e plano de governo, Loureiro disse que pretende contar com os arquitetos durante sua gestão. “Pretendo investir em projetos e gente capacitada. Quero que um profissional de arquitetura acompanhe desde a elaboração até a execução dos projetos”, frisou.

Investimentos em ciência e tecnologia, no sistema viário do município, a estruturação do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (Ipuf) e a reforma na estrutura administrativa da Prefeitura foram alguns dos temas abordados pelo peemedebista em sua exposição. No caso do transporte marítimo, Gean foi taxativo: “vou iniciar no primeiro ano do meu mandato”. Ele contou da viagem que fez a Porto Alegre para conhecer como funciona na capital gaúcha e garantiu que “tem estudo técnico de que é viável fazer em Florianópolis”. Ao destacar sua experiência no Legislativo e como secretário municipal no Executivo, Gean afirmou: “eu conheço a máquina pública e sei o que é possível e não fazer. Alguns vão conhecer a estrutura nas primeiras semanas, eu vou começar executando”.

Ao entregar a pauta de reinvindicações da AsBEA/SC, o presidente entidade, Ricardo Fonseca, destacou a importância do ciclo de debate realizado pela entidade. “Queremos reforçar a relação institucional com o poder público, pois os arquitetos estão preparados para ajudar os administrados, quando forem convocados. Em um período eleitoral como este, é nossa obrigação apresentar as propostas do setor e conhecer melhor quem estará no comando nos próximos quatro anos”, argumentou. O evento contou com a presença dos principais escritórios de arquitetura da cidade e volta a ser realizado pela AsBEA no próximo dia 4 de setembro, com Cesar Souza Jr. (PSD), no Castelmar Hotel, a partir das 19h.